diário #07

dezembro 16, 2014 § Deixe um comentário

Humilde relato

m. n. f. / 2014 / recife
Screen-shot-2014-12-16-at-3.36.20-PM

Polícia em greve no Recife. Saques, assaltos, assassinatos, carros pegando fogo. Ainda assim, logo cedo saí para o meu jogging matinal. Na primeira oportunidade entrei no clima e assaltei uma velhinha, que foi mais rápida e me assaltou primeiro. Para dar o troco, eu a estuprei. Ela não deixou barato e me assassinou. Esquartejei a velha, ela então queimou meu corpo e o arremessou no rio. Lutamos mais um pouco e a situação foi apaziguada por um traficante que ali passava. Eu e a velha apertamos as mãos, nos esfaqueamos mais algumas vezes e cada um seguiu seu caminho. Agora a pouco, ao chegar em casa, me deparei com um tubarão fumando crack no portão da garagem; tentando não chamar a atenção do bicho, pulei o meu próprio muro para entrar em segurança. Fui confundido com um gatuno pelo vigia, ele me alvejou com tiros de fuzil e aquela foi a terceira vez em que fui assassinado só na manhã de hoje. Absurdo, esse país em que vivemos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento diário #07 no Querido Bunker,.

Meta

%d blogueiros gostam disto: